Rugby de Calcinha

Termina gira pelas terras Maoris

rambo NZ

Por Leca Jentzsch

As Tupis que estavam em gira pela Nova Zelândia, retornaram ontem (22/11) e trouxeram na bagagem muito mais do que levaram, principalmente se falando de rugby. Foram 15 dias de muito aprendizado superação e expectativa.

A preocupação com a renovação vem sendo sentida com a inclusão de algumas novatas que aos poucos estão se adaptando e se entrosando as jogadoras mais experientes com o objetivo de formar uma seleção cada vez mais forte.

Enquanto parte da seleção arrasou no Uruguai vencendo o Valentin Martinez, as novinhas também fizeram bonito com uma 3ª e uma 2ª colocação em torneio na NZ.

A saudade de casa já estava apertando afinal para algumas foi a primeira vez que fizeram uma viagem deste porte. Depois de alguns dias de treinos em terras Maoris é bom voltar pra casa e recarregar as baterias.

Mas engana-se quem pensa que a bateria será carregada com descanso, as meninas tem muito rugby pela frente até encerrarem a temporada de 2013.  Ainda vão encarar a Copa Cultura Inglesa de Verão e o Brasil Sevens que acontecem em Indaiatuba/SP no final de dezembro.

E no caso das minhas meninas do Curitiba Rugby ainda falta a participação na última etapa do Campeonato Paranaense, e eu não vou dar moleza na parte física, nem mesmo com essa fofurice de foto que mandaram pra mim! rs

IMG-20131120-WA0000

Brincadeiras a parte, estou muito feliz por toda a seleção. Eu convivi com muitas das meninas, algumas vezes do lado contrário do campo, outras vezes dando força nas seletivas e muitas vezes com o queixo caído ao vê-las jogando, e é muito difícil não se contagiar com a garra, força e sonhos de cada uma, acreditem (não sei se eu sou normal, rs) mas independente de serem minhas atletas, eu realmente comemoro as conquistas destas calcinhas do rugby, não importa se são experientes ou novatas ou até adversárias em alguns momentos, o que importa é que sejam rugbiers o tempo todo.

Parabéns meninas! Para as novatas pela coragem e para as mais experientes pelo exemplo, e a comissão técnica por aguentar todo mundo! rs

No meu conceito é só assim que se constrói uma seleção.