Rugby de Calcinha

Rugby, uma lição que você leva pra fora do campo.

hilbert_imageThompsonSteele

Hilbert Ogro, Jogador do Niterói Rugby e O`Jays Beach Rugby
Imagem: Thompson Steele

Por Guto Senra

Colunista da Rugby Mania, jogador do Guanabara Rugby FC e agora faz parte do varal do Rugby de Calcinha colaborando com a seção Rugby de Cueca.

Diante dos últimos acontecimentos no Brasil, e porque não em todo mundo, uma lição tiramos de todo o barulho causado na luta pelos direitos do cidadão.PILAR_TORRE-2

Na última terça feira, dia 18 de junho, policiais ficaram confinados dentro de uma agência bancária no centro do Rio de Janeiro. Bandidos e vândalos agrediram covardemente membros da polícia militar que estavam defendendo o patrimônio público no centro da cidade. Graças ao esforço de pessoas realmente preocupadas em manter a paz e protestar pacificamente, os policiais conseguiram recuar para um local mais seguro.

No meio destes manifestantes que protegiam os policiais e tentavam manter a ordem estava um jogador do Niterói Rugby, Hilbert Ogro. Ele afastou a horda furiosa que tentava agredir os policiais acuados dentro de uma agência bancária.
handOFF-1

Embora estivesse ali por vontade própria e lutando contra a violência, pessoas irresponsáveis e sem o conhecimento dos fatos jogaram sua imagem na internet como se ele fosse um dos vândalos que estavam ali banalizando um movimento pacífico que brigava por muito mais do que vinte centavos.

E isto lhe custou muito alto. Por conta destas imagens com sua face estampada, Hilbert precisou ficar escondido. Recebeu ameaças de morte e foi perseguido. O vídeo abaixo é um desabafo do jogador, que mesmo depois de muitos amigos mostrarem seu apoio e dizendo o que realmente aconteceu, ainda continuou mais acuado que as pessoas que ele protegeu durante as manifestações.

Além das imagens deste post, o vídeo a seguir foi exibido no Globo Repórter desta semana.
rugbier-1
Em determinado momento a reportagem exibe exatamente o que aconteceu. Clique aqui para assistir o vídeo do Globo Repórter e veja abaixo o depoimento do Hilbert.